• Com o aumento da umidade e calor, saiba como evitar os acidentes com os escorpiões

    Com o aumento da umidade e calor, saiba como evitar os acidentes com os escorpiões
    Compartilhar:

    Com a umidade, a incidência de algumas pragas urbanas aumenta e, por isso, a atenção da população neste controle deve ser redobrada. A o calor, que é comum nesse primeiro quadrimestre do ano, exige, cada vez mais cuidados com as infestações, principalmente, a de escorpiões.

    Segundo o Ministério da Saúde, o número de episódios com esta praga no país quadruplicou em dez anos, passando de 40.287, em 2008, para 156.833, em 2018. O aumento destas ocorrências é resultado das interferências feitas pelo homem no meio ambiente – a construção desordenada e o descarte inadequado de lixo, especialmente material de construção, são condições que propiciam a proliferação.

    No Brasil duas espécies de escorpiões são mais comuns: a Tityus serrulatus (escorpião amarelo) e a Tityus bahiensis (escorpião marrom), mas para Maria Fernanda Zarzuela, especialista em coordenadora de desenvolvimento da Bayer, o amarelo é a que mais preocupa em termos de saúde pública.

    “A composição química de seu veneno é altamente tóxica, e, por isso, é considerado um dos mais perigosos. Uma característica essencial desta espécie é a partenogênese, um tipo de reprodução sem a presença de um macho – que pode chegar até 50 filhotes por ano”, comenta.

    Como evitar a incidência de escorpiões?
    Os escorpiões são animais terrestres, com hábitos noturnos, abrigando-se durante o dia em locais como: troncos de árvores, pedras, lajes, porões e locais úmidos. Eles entram nas casas em busca desses esconderijos e de alimento.

    “Estas pragas são predadores ativos e suas principais presas são as baratas, cupins, grilos e aranhas de pequeno porte. Desta forma, fala-se muito sobre a importância de manter infestações de baratas sob controle, com desinsetizações constantes, e manter as áreas limpas, sem restos de comida”, cometa Maria Fernanda.

    Além da manutenção e higienização dos ambientes, a escolha de um produto adequado para o controle do escorpião é essencial. Os produtos que fazem o combate a estes tipos de pragas têm venda controlada, portanto é necessário entrar em contato com empresas especializadas em desinsetização e com equipes treinadas para realizar a aplicação do inseticida.

     Entre contato com a MD CONTROLE DE PRAGAS que pode fazer este serviço.

    Foto: Tony Winston/Agência Brasília
    Fonte: Pragaseeventos

    VOLTAR
    Compartilhar: